29 de out de 2016

Potencialize suas relações com a natureza e seja mais feliz!



Ah! Esta tal felicidade!

No século XXI, a finalidade do Ser humano é realinhar-se. Despertar para o relacionamento com as energias vivas. Promover maior circulação do fluxo de Energia Vital em todo o contexto bioenergético: seu corpo, sua casa, suas relações e o ambiente onde interage.

A felicidade é uma energia que flui junto com os ciclos da natureza...



Somos seres de relações em relações...


Toda vez que uma substância de vida luminosa estabelece o contato integrado com forças motrizes da natureza, seus canais bioenergéticos são alimentados e o dom da existência perfaz o seu ciclo. 

O campo vital amplia-se, a partir das relações que surgem ao longo de sua existência. 

Cada um de nós representa um complexo sistema bioenergético que dá forma ao nosso campo de energia sutil. Cada campo consiste uma síntese que compõem toda a diversidade de interações estabelecidas entre outros seres vivos e com o meio onde se vive. 


O isolamento nos destrói. As relações energéticas com outros campos vitais mais fortalecidos nos acolhem e nos transformam...

Como potencializar nossas relações com a natureza e sermos mais felizes?


Florestas, rios, lagos, música de passarinhos, correnteza das águas nascentes que brotam do chão...

As forças da natureza estão presentes nos eixos solares, lunares, na imensidão das estrelas e na profundeza terrestre. Elas interagem de modo contínuo com nosso corpo de luz e criam juntas o que chamamos de Energia Vital.


Nós acessamos o conhecimento bioenergético quando o traduzimos em habilidades práticas que podem ser utilizadas no cotidiano de cada um, independente do lugar onde se vive.
A Sustentabilidade no Século XXI transcende o aspecto material!!! Ela está relacionada com a possibilidade de acessar a nossa riqueza intuitiva, ancestral e cósmica, há muito esquecida...

Quais são as suas principais fontes de inspiração na natureza?


A grande riqueza está na capacidade que cada Ser possui para resgatar o dom de interligar-se e expandir-se no relacionamento com as energias vivas.

Seja uma sombra de alguma árvore muito especial, seja o cantar da brisa do fim da tardinha, seja o próprio silêncio integrador do seu corpo, seja os tons róseos do amanhecer... Integre-se e seja Uno com eles!

Os vegetais também funcionam como um importante canal de interlocução para o diálogo entre corpo e natureza. Acordam em nós, humanos, habilidades extremamente focadas no autoconhecimento, autodeterminação e comunicação sensorial imperceptível pela expressão dos sentidos físicos: intuição.

Encontre as suas fontes de inspiração na natureza! Aproprie-se delas e invista momentos de integração consciente com um tudo aquilo que alimenta os seus campos de energia.

Faça tudo sentindo-se Uno com o momento presente dessa integração.

Fundir-se na vibração da vida! Está aí o despertar da energia que cria a alegria, a felicidade e a expansão dos nossos sentidos e saberes do coração.

www.panelasdecapim.com.br

Existem vias de ligação direta para acordar dons internos de força, através do empoderamento e do resgate da autonomia pessoal. Você descobrirá as suas próprias!


Alimentação Bioenergética

Nós chamamos de Alimentação Bioenergética, tudo aquilo que alimenta nosso corpo de luz e suplanta prazeres, necessidades e demandas da vida prática de forma conectada com a natureza.

Fortalecer a intenção da alma é sentir o bem-estar proporcionado pelas relações com a natureza que nós somos... Na integridade da música de cada coração batendo, nós somos luz! Nunca o deixamos de ser.



Com carinho,

Aline Chaves
Educadora para a Vida

Alimentação Viva: um outro estilo de viver

Afinal, o que é Alimentação Viva para você?  Para nós, não se trata de um hábito alimentar, muito menos de uma dieta. A Alimentação...

Jovens postagens

.

O conteúdo deste blog é ofertado aos leitores que desejam aprimorar-se nas práticas da Alimentação Viva e inspirar-se no estilo de vida ecológico.

Agradeço de profundo coração os compartilhamentos que CO-LABORAM para divulgar este trabalho, citando as respectivas fontes e autoria!

Aqui mora um pequeno resumo dos muitos anos dedicados à pesquisa, onde uso o meu próprio corpo como experimento.

Peço gentilmente que não utilizem as nossas publicações para fins comerciais. Só porque não vale à pena promover-se financeiramente às custas do esforço e criatividade alheios.

A Vida vem da Vida!

Com carinho,

Aline Chaves
A moça que planta nas panelas

Licença Creative Commons
Panelas de Capim de Aline Almeida Chaves está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://panelasdecapim.blogspot.com.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que tem dentro das Panelas de Capim?